Licht & Lustig


Imagem

Cerveja fabricada pela De Molen, é holandesa. Resolvi pesquisar no site já que ganhei outra cerveja holandesa que tem o rótulo de design igual, apesar de serem muito diferentes entre si. Mas isso é assunto para outro post. Chamou-me a atenção mesmo antes de eu beber, pela cor (um alaranjado bem forte) e pelo fato de ter muita espuma, quase um schinitt (aquele chopp que vende no Bar Luiz), o que, pra mim, é bom demais.

 

Imagem

No rótulo diz que ela é multigrãos, trigo e levedo com certeza.
Quando bebi, provou-se um perigo em potencial, porque o teor alcóolico dela não é baixo (5,2%)e, por causa da espuma, é leve e desce fácil. Muito boa. Ainda bem que ela vem em uma garrafa de 330 ml, senão…bom é suficiente dizer que se fosse um litro também estava bom demais.

 

Imagem

Na medida que você vai bebendo, você sente o sabor cítrico da cerveja, mas é no final que você sente o sabor amargo e gosto de quero mais do álcool. Retiro o que disse da garrafa ser melhor de fosse de um litro: se fosse 10 garrafas de 330 ml seria bem melhor, porque iria ter 10 finais diferentes. Pra mim valeu muito a pena.

 

 

Anúncios

O começo…

No dia 20 de fevereiro de 2014, data de meu 45º aniversário (na verdade um pouco antes, já que a presenteadora não consegue esperar), fui agraciado e surpreendido com um dos presentes que mais me emocionaram em toda a minha vida: oito garrafas de cervejas “especiais” escolhidas pela presenteadora, no caso, minha filha mais velha, a Laís.
Quem me acompanha no Facebook deve ter visto as fotos do presente e de elas todas sendo devidamente degustadas com petiscos variados.


Resolvemos então abrir este blog para resenhá-las, já que não parou nas oito cervejas, nem nos petiscos, que tem participação pra lá de especial (por que sem ela nada disso seria possível) da Isabela, minha querida esposa e, junto com a Laís criadora e coescritora deste mesmo espaço.
Não ficaremos apenas nas cervejas e petiscos não, senhor. Falaremos também dos petiscos que comemos nos bares dos outros. Falaremos de música e no que mais der na nossa telha.
Lembro que as resenhas não são profissionais. São nossa opinião, baseada simplesmente na nossa percepção e gosto individual.